Derrotados Pela Televisão | Escrito por Nilton Victorino Filho

Em 1995, o infantil do Dínamo era a sensação do Butantã, aquele time que tinha Alemão, Ademar Pézão, Lucas Rato, os gêmeos Cosme e Damião, César e Rampinha, Nilton, Marcelão do Vô, Edson Bobo, Alex Manteiga, Dener Manchinha, Júlio Buda, Marcos Chuchú, Tico, Vagner e Cézinha Cachinhos dourados, Eliseu e Elves, o centro avante Paulo Silva faziam um show em campo e goleavam sem piedade os times que ousavam desafiá-los.


Por esse tempo, eu implantei a tática da Holanda de 74, a laranja mecânica consistia no princípio de que nenhum jogador guardasse posição, todos circundavam o volante, assim que um jogador subia pra atacar, outro o cobria na defesa.


Era comum ver o Ademar, por exemplo. atacar num lance e no outro ele estava na defesa, isso dificultava todo o sentido de marcação dos times adversários, essa tática também é conhecida como carrossel, o nosso carrossel era bem pior, além disso tudo, tinha um goleiro que saia jogando e fazia gols.


O Elves era a cereja do bolo, dono de uma habilidade impressionante na linha, também era um goleiro de primeira.
Com tudo isso em seu favor, em campo o escrete infantil do Dínamo era impiedoso, tudo ia de 5 x 0 pra cima.
Ninguém ousava contestar e os ventos eram favoráveis, até que..


Contratado pelo Corinthians, o técnico Nelsinho Batista, adota essa tática e surpreende os adversários, o Timão começa a golear todos os adversários e também se torna a sensação do Brasil. Só que, toda doença tem cura e toda tática tem a sua contra-tática…O Luxemburgo, técnico do Palmeiras entrou com a tática que anulava o carrossel e não só anulou o Corinthians, goleou-o e todo mundo viu, via satélite.


Esse técnico aqui, pensou assim:
_Ora, o Luxemburgo é gênio.O Nelsinho vai parar e eu posso ficar tranquilo, ninguém nesse fim de mundo vai me ameaçar.
Ah, o mal do bobo é, achar que todo mundo é igual a ele.


No sábado seguinte do naufrágio do Corinthians, à nossa proa veio o Grêmio do João XXIII, o próprio Valdemor estava no comando, coisa que ele já não fazia ha anos.
E, aos olhos de grande torcida nos barrancos do campo do Só Nóis, caiu o Dínamo, com o placar elástico de 8 x 0.

One Comment on “Derrotados Pela Televisão | Escrito por Nilton Victorino Filho

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: