O último Baile do Attiê…Fim de Uma Era | Escrito por Nilton Victorino Filho

Novembro de 1979, eu com treze anos, a era da discoteca dava seus últimos passos, ainda que, no último baile do Attiê o Xodó ainda arrancava aplausos com sua dança tresloucada e alguns guris ainda portassem a camisa preta do Toni Maneiro, estava chegando uma nova era. Kurtis Blow mostrava ao mundo um jeito diferente de música que, casava mais com passos coletivos, o Funk uniria os amigos e as turmas virariam gangues.

Na periferia de Sampa esse movimento seria chamado de “Função”, combinado com o Movimento Negro, seus adeptos, dentre eles, uma rapa de gente de pele clara, passaram a se denominar “Do movimento”, era o fim de uma era e começo de outra, meu apogeu. Lá fora a lua era cheia e começava a subir, sair detrás dos eucaliptos, da Caixa d’água da Serra Pelada, tinha a inteira convicção de que aquele seria o último baile…

Mas, ainda não, entrei na sala da sétima série, todos suavam, a lenta principiou seus acordes, passei o olho procurando a Cleide, um amigo a havia chamado para bailar. Assim que me avistou, desvencilhou dos braços do amigo e correu em minha direção. Olhamo-nos e juntamo-nos, me lembro de ter fechado os olhos, só para aquele momento durar para sempre na memória e, nos beijamos ainda dançando.

https://www.youtube.com/watch?v=cjWfh8WksSw

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: